Arquivo da tag: jornalismo

Prêmio MPT de Jornalismo divulga seus vencedores

Cerimônia em Brasília entrega R$ 225 mil em prêmios a profissionais da imprensa de todo o país

Brasília – Os grandes vencedores da quinta edição do Prêmio MPT de Jornalismo foram conhecidos na tarde desta terça-feira, 5 de fevereiro. Foram premiados 36 trabalhos que apresentaram diversos assuntos relacionados ao direito trabalhista no Brasil. A cerimônia ocorreu na sede da Procuradoria-Geral do Trabalho (PGT), em Brasília. Ao todo, foram inscritas 399 reportagens nas categorias jornal impresso e revista impressa, radiojornalismo, telejornalismo, webjornalismo, fotojornalismo e universitário, publicadas ou veiculadas de 1º de maio de 2017 a 30 de outubro de 2018.

O Prêmio Especial MPT de Jornalismo ficou com os jornalistas Nathan Santos, Marília Parente e Eduarda Esteves, autores da reportagem multimídia “Trabalhador – Herança Escravista, Pobreza e Irregularidades”, veiculada no Portal Leia Já. O trabalho também venceu a etapa regional (Nordeste) e nacional da categoria webjornalismo.

Novidade nesta edição do Prêmio MPT de Jornalismo, a categoria Prêmio Especial Igualdade de Oportunidades teve como ganhadora Camila Alves pela reportagem “Impedidas: Machismo e Violência no Futebol”, publicada no Diário de Pernambuco.

A jornalista Lilian Primi foi a vencedora do Prêmio Especial Fraudes Trabalhistas com a reportagem “Terceirização: trabalho desumano e abandono”, publicada na revista Caros Amigos.

Durante a cerimônia, o procurador-geral do Ministério Público do Trabalho (MPT), Ronaldo Fleury, lembrou do rompimento da barragem da Vale em Brumadinho (MG) e enalteceu o papel dos jornalistas em apurar fatos e divulgá-los nos meios de comunicação. “A importância dos jornalistas é levar à sociedade o debate e essas realidades que estão no nosso dia a dia”, disse.

Veja abaixo os vencedores da quinta edição do Prêmio MPT de Jornalismo por categoria e região ou clique aqui para ver versão ampliada.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias gerais

Reportagem da TV Universitária da UFRN é finalista do prêmio MPT de Jornalismo 2018

Matéria aborda os problemas enfrentados pelos trabalhadores que atuam como operadores de telemarketing

 

Natal (RN), 04/02/2019 – Trabalhadores que atuam em empresas de call center exercem ocupação considerada uma das mais estressantes do mundo, devido à enorme pressão pelo cumprimento de metas a que são submetidos. Os índices de adoecimento no setor estão no foco da reportagem “A relação dos ambientes de Call Center com o adoecimento no trabalho”, produzida pela Televisão Universitária da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, e finalista do Prêmio MPT de Jornalismo 2018, que terá seus vencedores conhecidos em cerimônia na tarde desta terça-feira (5).

A matéria produzida por Letícia Araújo, Leonardo Figueiredo, Jerffson Costa e Amanda Porfírio, estudantes da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, constata que a satisfação inicial pela conquista de uma vaga no mercado de trabalho pode se revelar um motivo de angústia nas empresas de telemarketing, que impõem uma rotina excessiva aos novos atendentes. A reportagem venceu a etapa regional da categoria “Universitário” e concorre ao prêmio do MPT de jornalismo pela fase nacional na mesma categoria.

Ao todo, foram inscritas 395 reportagens de profissionais da imprensa de todo o país. Destas, 27 venceram a fase regional, sendo classificadas para a etapa nacional. A cerimônia de premiação ocorrerá amanhã (5), na sede do Procuradoria Geral do Trabalho, em Brasília. Na ocasião, serão apresentados os ganhadores regionais (R$ 5 mil) e revelados os vencedores do Prêmio Nacional em cada categoria (R$ 10 mil) e dos prêmios especiais ̶̶̶ Fraudes Trabalhistas, Igualdade de Oportunidades e Prêmio Especial MPT de Jornalismo (R$ 30 mil cada).

Sobre o concurso – Criado em 2014, O prêmio MPT de jornalismo é o principal concurso dedicado à valorização de peças jornalísticas que abordem irregularidades contra os trabalhadores brasileiros. Com o propósito de informar a sociedade sobre a importância da proteção e da defesa dos direitos do trabalhador, as reportagens classificadas envolvem temas como trabalho infantil, discriminação de gênero, cor e pessoas com deficiência, condições inadequadas e precárias de trabalho, entre outros. As reportagens são reconhecidas nas seguintes categorias: jornal e revista impressa, radiojornalismo, telejornalismo, webjornalismo, fotojornalismo e universitário. O Prêmio estimula repórteres, cinegrafistas, fotógrafos, estudantes e editores interessados em mostrar as injustiças que afetam os trabalhadores, contribuindo, assim, para o amadurecimento da sociedade brasileira.

Assessoria de Comunicação (Tatiana Lima e Rachid Jereissati)
Ministério Público do Trabalho no RN
Fones: (84) 4006-2893 ou 2820 / 99113-8454
Twitter: @MPTRN
E-mail: prt21.ascom@mpt.mp.br

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias gerais

Prêmio MPT de Jornalismo: conheça as reportagens que se destacaram

Conheça as reportagens que se destacaram no combate às irregularidades trabalhistas! http://premiomptdejornalismo.com.br/premio-mpt-de-jornalis…/ #PrêmioMPT

Deixe um comentário

Arquivado em Artigos e entrevistas

Abertas as inscrições para o Prêmio MPT de Jornalismo

Premiação é a maior e a mais importante dedicada à valorização de reportagens sobre a investigação e a denúncia de irregularidades trabalhistas

Brasília –  Estão abertas as inscrições para a 4ª edição do Prêmio MPT de Jornalismo. Jornalistas, repórteres fotográficos, repórteres cinematográficos e universitários de todo o país podem inscrever, até o dia 5 de maio, matérias e imagens que destacam a investigação e a denúncia de irregularidades trabalhistas. São oito categorias em disputa: jornal impresso, revista impressa, radiojornalismo, telejornalismo, webjornalismo, fotojornalismo, universitário e repórter cinematográfico. Serão consideradas válidas as reportagens veiculadas entre 2 de maio de 2016 e de 5 maio de 2017.

Ao todo, serão distribuídos R$ 400 mil em prêmios: R$ 5 mil para cada categoria regional, categorias nacionais R$ 10 mil e R$ 15 mil, conforme a categoria, além de dois prêmios especiais – Fraudes Trabalhistas e MPT de Jornalismo (R$ 45 mil cada). As inscrições devem ser realizadas no site premiomptdejornalismo.com.br, onde estão disponíveis o regulamento completo, notícias e outras informações.

Prêmio – Criado em 2014 pelo Ministério Público do Trabalho, o Prêmio MPT de Jornalismo já reconheceu mais de duas mil reportagens publicadas em jornais impressos, televisão, rádio, internet e universidades de todo o país. A cada ano, o concurso amplia o alcance de denúncias de veículos regionais, unindo diferentes mídias dedicadas a informar à sociedade sobre a proteção de direitos diante de ilegalidades, como o trabalho escravo, o trabalho infantil, a discriminação, as fraudes, as práticas antissindicais e o desrespeito à saúde do trabalhador e à segurança no trabalho.

Os recursos financeiros vêm do acordo judicial na Ação Civil Pública nº 1.040/2012, da 11ª Vara do Trabalho de Recife. Por meio dela, a atuação do Ministério Público do Trabalho ajudou a corrigir sérias fraudes trabalhistas cometidas por uma empresa multinacional.

Mais informações no site oficial do prêmio (premiomptdejornalismo.com.br) e na página oficial do Facebook (facebook.com/premiomptdejornalismo).

Fonte: Portal do MPT

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias gerais

Prêmio MPT de Jornalismo: repórter cinematográfico

As reportagens deverão ser destacadas do programa da TV ou Website. O tempo máximo de duração das reportagens é de 60 minutos. O candidato deve enviar o trabalho nas extensões: .wmv, .mp4, .dvd e .avi. Caso o trabalho esteja publicado on-line, deve ser informado o endereço e mantê-lo disponível durante o processo de julgamento. Outra opção é publicar a reportagem no YouTube ou em plataforma similar e indicar o endereço no campo destinado para este fim no formulário de inscrições. Inscreva-se: http://premiomptdejornalismo.com.br/inscricao/

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias gerais

Documento Suape 2015 trata dos impactos sociais e econômicos da construção da Refinaria Abreu e Lima em Pernambuco (Prêmio MPT de Jornalismo)

O caderno especial finalista do Prêmio MPT de Jornalismo na categoria jornal impresso, Documento Suape 2015, trata dos impactos sociais e econômicos da construção da Refinaria Abreu e Lima em Pernambuco. O projeto transformou os municípios de Ipojuca e Cabo de Santo Agostinho em um canteiro de obras com 42 mil trabalhadores. Contudo, as empreiteiras envolvidas são investigadas na Operação Lava-Jato e deixaram um rastro de desemprego e desrespeito aos direitos trabalhistas. As reportagens do Jornal do Commercio são assinadas pelas jornalistas Adriana Guarda e Emídia Felipe. http://especiais.jconline.ne10.uol.com.br/documento-suape-…/

Deixe um comentário

Arquivado em Artigos e entrevistas

Terceirização. Avanço ou retrocesso (Prêmio MPT de Jornalismo)

A regulamentação do trabalho terceirizado no país tem sido discutida como forma de garantir melhores condições de trabalho. Mas a terceirização em todos os níveis é o caminho para o desenvolvimento? Em Terceirização: Avanço ou retrocesso, a jornalista Paula Groba mostra os detalhes da proposta que está em discussão no Congresso Nacional. Ouça na Rádio Senado a reportagem finalista do Prêmio MPT de Jornalismo na categoria radiojornalismo: http://www12.senado.leg.br/…/terceirizacao.-avanco-ou-retro…

Deixe um comentário

Arquivado em Artigos e entrevistas

Retratos da escravidão (Prémio MPT de Jornalismo)

Desde 1995, o Grupo Especial de Fiscalização Móvel (GEFM) libertou 972 trabalhadores em condições de trabalho análogas às de escravo no Rio Grande do Sul. O município de Bom Jesus lidera a lista com maior número de vítimas aliciadas. Finalista do Prêmio MPT de Jornalismo na categoria universitário, Retratos da Escravidão, publicada no portal Hipermídia da Universidade de Santa Cruz do Sul, mostra em texto, fotografia, infografia e vídeo, as iniciativas que visam a erradicar esse mal. O trabalho é assinado pelo estudante Régis de Oliveira Júnior. www.retratosdaescravidao.com.br

Deixe um comentário

Arquivado em Artigos e entrevistas

O trabalho escravo infantil na produção de castanhas de caju (Prêmio MPT de Jornalismo)

A reportagem Identidades Apagadas denuncia um crime que envolve meio milhão de crianças e adolescentes brasileiros: a extração da castanha de caju na região Nordeste. Daniel Motta, Jorge Talmon, Renê Batista, Fabiana Lopes, Ana Haertel e Leopoldo de Moraes foram aos estados de Pernambuco e Rio Grande do Norte mostrar que, entre inúmeros males, esse tipo de exploração faz com que os jovens percam literalmente suas impressões digitais. Assista à reportagem exibida na TV Record e finalista do Prêmio MPT de Jornalismo na categoria telejornalismo: https://www.youtube.com/watch?v=2wZMYfIP6Tw

 

Deixe um comentário

Arquivado em Artigos e entrevistas

“Piaçabeiros e Piabeiros, às margens do rio Negro e das leis trabalhistas”

Foto: Em tempo

Piaçabeiros e Piabeiros, às margens do rio Negro e das leis trabalhistas desmistifica a visão poética sobre o extrativismo das fibras de piaçava. A reportagem, publicada no Em Tempo Online, mostra homens e mulheres da região do médio Rio Negro, ao norte do estado do Amazonas, que ainda trabalham em situações análogas às de escravo, sendo reféns dos atravessadores e ganhando a menor parte de um negócio que gera milhões de reais. O trabalho do jornalista Emerson Quaresma é finalista do Prêmio MPT de Jornalismo na categoria jornal impresso, assim como as imagens registradas por Ricardo Oliveira, que são finalistas na categoria fotojornalismo:
https://issuu.com/amazo…/…/especial_medio_rio_negro-27-03-16 ‪#‎finalistasMPT‬

Deixe um comentário

Arquivado em Artigos e entrevistas

Prêmio MPT de Jornalismo 2016 divulga finalistas

Brasília – Mais de trinta trabalhos jornalísticos, de todas as regiões do país, são finalistas do Prêmio MPT de Jornalismo 2016. A premiação ocorrerá em 1º de setembro, em cerimônia em Brasília, quando serão conhecidos os vencedores regionais e nacionais por categoria. Ao todo o prêmio distribui quase R$ 400 mil em oito categorias e dois prêmios especiais. Aproximadamente 400 trabalhos jornalísticos se inscreveram nesta terceira edição.

Os trabalhos selecionados foram avaliados em cinco etapas regionais e uma nacional e concorreram nas categorias jornal impresso, revista impressa, radiojornalismo, telejornalismo, webjornalismo, fotojornalismo, universitário e repórter cinematográfico. Na etapa nacional ainda foram escolhidos os ganhadores dos prêmios especiais Fraudes Trabalhistas e MPT de Jornalismo.

As reportagens abrangeram os temas fraudes nas relações de trabalho; trabalho escravo contemporâneo; trabalho infantil; discriminação de gênero, cor e pessoas com deficiência; meio ambiente do trabalho; promoção da liberdade sindical; trabalho portuário e aquaviário; e irregularidades trabalhistas na administração pública.

Os trabalhos inscritos foram publicados em veículos de todo o país, entre 2 de maio de 2015 e 13 de maio de 2016.
Conheça os finalistas. Fonte: Portal do MPT.

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias gerais

Escravos da moda: os bastidores nada bonitos da indústria fashion

 (Foto: Marcio Rodrigues)

As primeiras denúncias sobre as condições de trabalho nas confecções das grandes marcas começaram a aparecer há mais de 20 anos. Mesmo assim, mais de 80 bilhões de peças de roupas são vendidas mundo afora graças a uma fórmula que combina o consumo desenfreado e a exploração de mão de obra. Em Escravos da moda: os bastidores nada bonitos da indústria fashion, o jornalista Thiago Tanji faz um raio X desse problema. A reportagem publicada na Revista Galileu é finalista do Prêmio MPT de Jornalismo na categoria revista impressa. Confira: http://revistagalileu.globo.com/…/escravos-da-moda-os-basti…

Deixe um comentário

Arquivado em Artigos e entrevistas

Prêmio MPT jornalismo: tutorial de inscrição

ÍndiceDúvidas na hora de se inscrever no Prêmio MPT de Jornalismo? Está no ar um videotutorial que ensina o passo a passo das inscrições. Confira: https://www.youtube.com/watch?v=XeQb72Iku94&feature=youtu.be

Deixe um comentário

Arquivado em Literatura, Livros, Língua Portuguesa

Prêmio MPT de Jornalismo 2016

Cada participante pode inscrever até três trabalhos no Prêmio MPT de Jornalismo. Saiba mais acessando o regulamento completo no site: http://premiomptdejornalismo.com.br/regulamento/

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias gerais

Inscrições abertas para o Prêmio MPT de Jornalismo 2016

Premiação realizada pelo Ministério Público do Trabalho está em sua terceira edição e distribuirá R$ 400 mil em oito categorias e dois prêmios especiais
Brasília (DF), 25/01/2016 – Estão abertas, de 25 de janeiro e 6 de maio, as inscrições para a edição 2016 do Prêmio MPT de Jornalismo. Podem participar jornalistas, fotógrafos, repórteres cinematográficos e estudantes de jornalismo em oito categorias: jornal impresso, revista impressa, radiojornalismo, telejornalismo, webjornalismo, fotojornalismo, universitário e repórter cinematográfico. As inscrições devem ser feitas exclusivamente pelo site www.premiomptdejornalismo.com.br e serão encerradas às 18 horas do dia 6 de maio. Podem concorrer reportagens publicadas em veículos de comunicação de todo o país no período de 2 de maio de 2015 a 6 de maio de 2016.
O Prêmio MPT de Jornalismo está em sua terceira edição e valoriza matérias jornalísticas dedicadas à investigação e à denúncia de irregularidades trabalhistas. Ao todo, a premiação distribuirá até R$ 400 mil em prêmios regionais (R$ 5 mil cada categoria), nacionais (R$ 10 e 15 mil, conforme a categoria), além de dois prêmios especiais: Fraudes Trabalhistas e MPT de Jornalismo (R$ 45 mil cada).
Os recursos financeiros para o prêmio resultam de acordo judicial na ação civil pública nº 1040/2012 – 11ª Vara do Trabalho de Recife.
Para conhecer o regulamento completo da premiação e acompanhar as novidades, basta acessar o site oficial www.premiomptdejornalismo.com.br ou curtir a página do prêmio no Facebook, no endereço: www.facebook.com/premiomptdejornalismo.
*Fonte: Ascom – PGT

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias gerais