Poema secreto

Carolina Villaça
ESCONDIDO,
QUASE IMERSO
VIVE, DENTRO DE MIM
O DESEJO DO VERSO
DE UM POEMA
SEM FIM
NEM COMEÇO, AO CERTO
PARA PREENCHER O VAZIO
PARA AQUECER, NO FRIO
E SER COMPANHIA, NO DESERTO
E ELE VEM DEVAGAR, DISCRETO…
COM MEDO DO QUE DIZER
OU DE NÃO CONSEGUIR ESCREVER
SENDO MELHOR MANTER SECRETO…

Por Carolina Villaça, assessora de comunicação do MPT/RN

8 Respostas para “Poema secreto

  1. Pingback: Cantinho do Escriba: “Poema secreto”, por Carolina Villaça | Biblioteca do MPT/RN

  2. Irileide

    Gostei do poema, bem reflexivo”.

  3. Mary Ann

    Carol Poeta, mais uma qualidade admirável! Parabéns!

  4. Lúcia Fonseca

    Que legal que você conseguiu escrever o poema, gostei muito, e da foto também.

  5. José Diniz de Moraes

    Tudo lindo! É pena que tão poucos leem as coisas maravilhosas da poesia!

    • Carolina Villaça

      Muito obrigada! Tenho certeza de que todos aqui também gostariam de ler mais, das coisas maravlhosas que o Dr. Diniz escreve! Está lançado o desafio!

  6. Quênia Chaves

    Parabéns Carol! Quanta sensibilidade e habilidade com as palavras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s