Klabin doa R$ 1,2 mi por descumprir cota de pessoas com deficiência

Maior produtora e exportadora de papéis do Brasil já havia firmado acordo para regularizar situação

São Paulo – Nos próximos três anos a Klabin S/A irá doar R$ 1,2 milhão para 16 entidades que trabalham na assistência e capacitação de pessoas com deficiência, como multa por descumprir termo de ajuste de conduta (TAC) proposto pelo Ministério Público do Trabalho em São Paulo (MPT-SP). O termo previa o preenchimento de reserva de vagas a pessoas com deficiência e beneficiários reabilitados. No acordo, o MPT-SP foi representado pela procuradora do Trabalho Denise Lapolla de Aguiar Andrade.

O aditamento do TAC prevê o preenchimento total das vagas, que hoje é cerca de 620 trabalhadores sobre o número total de 12, 4 mil empregados da empresa, nos próximos seis anos, sendo 50% até 2018. Considerando as 223 contratações já realizadas, restam 397 trabalhadores para a reserva total e 199 contratações para a meta do primeiro triênio. Continua. Fonte: Portal do MPT.

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias gerais

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s