Senado aprova projeto que aumenta licença-paternidade de 5 para 20 dias

 País foi o primeiro do mundo a adotar licença-paternidade, em 1974

A Folha de S. Paulo anuncia a aprovação no Senado de projeto que aumenta a licença-paternidade para 20 dias. O texto vai para sanção da presidente Dilma. A alteração está dentro de lei que prevê um marco legal de atenção à primeira infância (crianças de 0 a 6 anos). Atualmente, a licença é de apenas cinco dias. Leia direto da fonte.

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias legislativas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s