Norma Coletiva que prejudica trabalhador é anulada pelo TST

A Associação de Ensino de Marília terá que pagar os salários de seus empregados até o quinto dia útil do mês subsequente ao da prestação de serviços, e não mais até o dia 10, como previa acordo coletivo assinado com o Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino de Marília (SP).

Veja a decisão: http://bit.ly/1REAiwi

Descrição da imagem #PraCegoVer: ilustração de ampulheta, na parte de cima está cheio de dinheiro em forma de notas e na parte de baixo há um homem segurando apenas uma nota. O texto: Prejuízo ao trabalhador. Norma coletiva que previa pagamento de salário até o dia 10 do mês seguinte tem nulidade mantida.

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias jurisprudenciais

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s