Resultado final do Prêmio MPT na Escola 2015 (etapa nacional) – POESIA

POESIA DE MINAS GERAIS

RUMO À COLHEITA

O dia nem bem nasceu
José já amanheceu
Pé no chão “caminho da roça”
Olha a escola! É mentira!

O dia nem entardeceu
José já anoiteceu
Esgotado da lida
Cansado da vida.

O dia ainda nem raiou
O pequeno José já acordou
De novo de pé no chão
Estudar que é bão… nada.

O dia de José
É como outro qualquer
Mas não tem livro, nem professor
Sua lição é o labor.

Um dia José aprende
A vida é dura e ensina
Sem escola não dá
Tem que crescer pra trabalhar.

“E agora, José?
A vida passou e você cresceu
É homem feito e nada aprendeu
E agora, José?”

Poesia de Mateus Augusto, 9º ano, da Escola Municipal Álvaro de Sá Barbosa, do Município de Espera Feliz-MG.

Deixe um comentário

Arquivado em Literatura, Livros, Língua Portuguesa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s