Biblioteca altera rotina dos internos na Fundação Casa, em São Paulo

No primeiro semestre de 2015, a Fundação Casa da Vila Guilherme, responsável por realizar medidas socioeducativas com adolescentes infratores, uniu-se ao Instituto Brasil Leitor (IBL) para inaugurar a Biblioteca Jovem.

O contato com os livros tem alterado a rotina dos internos, e foi isso que o escritor Ferréz foi conferir, a convite do UOL. A ideia era que, além de conhecer o lugar, o autor de livros como “Capão Pecado” conversasse com os garotos e tentasse compreender como o livro e a leitura poderiam ser objetos de transformação.

“O livro abre a mente”, disse um dos internos, que também mostrou uma poesia escrita em homenagem à mãe. Continua. Fonte: UOL.

Deixe um comentário

Arquivado em Literatura, Livros, Língua Portuguesa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s