Quais São os Direitos dos Trabalhadores Noturnos?

por Bruno Trevisan

O relógio biológico do ser humano é programado para ser mais ativo e eficiente no período diurno, enquanto que à noite, de forma gradativa, o metabolismo começa a se desacelerar até que o sono venha repor as energias para o dia seguinte. Alterar esse relógio natural trazem consequências que, a longo prazo, afetam tanto a parte física – o sono diurno não tem a mesma qualidade do sono noturno – mas, principalmente, a parte mental, como a perda gradual de memória, raciocínio lento e problemas cardiovasculares.

Desta forma, atento à saúde do trabalhador, bem como da necessidade da mão de obra neste turno específico, o legislador garantiu aos trabalhadores alguns benefícios que, de certa maneira, são formas de atenuar a diminuição da qualidade de vida do empregado noturno. Continua. Fonte: Informativo Trabalhista.

Deixe um comentário

Arquivado em Artigos e entrevistas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s