Casos de assédio moral em empresas do estado de São Paulo vão bater recorde em 2014

A Folha de S. Paulo de domingo (26) noticiou que as investigações de casos de assédio moral em empresas do estado de São Paulo vão bater recorde em 2014. Dados do Ministério Público do Trabalho (MPT) apontam que o volume de casos denunciados, que foi de 438 em 2009, chegou a 962 nos primeiros nove meses deste ano. O número já supera o recorde anterior, que foi de 960 em todo o ano de 2012. São situações em que chefes debocham de subordinados com apelidos, repreendem ou expõem desempenho em público, entre outros atos constrangedores. Hábitos mais sutis, como ignorar determinado funcionário, passar tarefas muito abaixo de sua qualificação, ou, por outro lado, passar tarefas impossíveis de serem cumpridas, com ordens confusas ou prazo curto demais, também são exemplos. A reportagem traz, ainda, reportagem com a procuradora do Trabalho Renata Coelho. Leia direto da fonte

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias gerais

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s