Arquivo do dia: 19/02/2014

Biblioteca pública é inaugurada na estação central do Metrô, no Rio

Os passageiros que transitaram nesta quarta-feira, 12, pela estação central do Metrô do Rio de Janeiro puderam notar uma novidade. No local, foi inaugurada a Biblioteca Estação Leitura. Criado pelo Instituto Oldemburg, o projeto oferece um serviço gratuito de empréstimo de livros para todos os interessados.

Biblioteca e livros. Foto: Divulgação

Inicialmente, o programa conta com acervo de dois mil livros de diversas categorias, como clássicos da literatura brasileira e estrangeira, títulos infantojuvenis, de arte, história, religião, filosofia, entre outras. Além disso, está prevista uma aquisição de 400 novas obras durante o ano, com base em listas de livros mais vendidos do Brasil, e cerca de mil exemplares já solicitados às editoras. A fim de facilitar a escolha dos leitores, a biblioteca conta com catálogo digital, contendo consulta por título, autor e assunto/gênero. Continua na fonte: SRDZ.

Deixe um comentário

Arquivado em Ciência da Informação: Biblioteconomia e arquivologia

JT é competente para julgar empresa por difamar motorista que sequer era seu empregado

A Terceira Turma do Tribunal Superior do Trabalho, por maioria, concluiu pela competência da Justiça do Trabalho para apreciar pedido de um motorista que denunciou ter sido incluído em lista suja por empresa que sequer foi sua empregadora. Com o posicionamento, os autos retornarão à Vara do Trabalho de origem para que sejam apreciados os pedidos feitos na ação trabalhista. Entenda o caso. Fonte: TST

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias jurisprudenciais

Jornalistas pedem condições especiais de trabalho para cinegrafistas e fotógrafos

cinegrafista atingido por rojãoEntidades sindicais ligadas aos jornalistas estiveram hoje (18/02) com o presidente da Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves, para pedir agilidade na votação do projeto de lei que cria condições especiais de trabalho para fotógrafos e cinegrafistas.
A proposta, apresentada pelo deputado Marco Maia em 2010, ganhou força após a morte do cinegrafista Santiago Andrade, da TV Bandeirantes, atingido por um rojão durante manifestações no Rio de Janeiro.
Caso seja aprovado hoje o pedido de urgência para o projeto sobre os trabalhos dos cinegrafistas, a proposta pode ser votada pelo Plenário da Câmara na próxima terça-feira (25/02). Assista à reportagem. Fonte: Ag. Câmara.

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias legislativas

Ponto de televendas terceirizado da Claro é fechado após flagrante de trabalho irregular de menores


Jovens são empregados em telemarketing da Claro em péssimas condições, com salários de R$ 500 e sem banheiro. Ao fundo, Jéssica de Souza, a única maior de idade
Foto: Marcelo Carnaval / Agência O GloboJovens são empregados em telemarketing da Claro em péssimas condições, com salários de R$ 500 e sem banheiro. Ao fundo, Jéssica de Souza, a única maior de idade Marcelo Carnaval / Agência O Globo

O Ministério do Trabalho e Emprego, ao lado do Ministério Público do Trabalho, fechou nesta terça-feira um ponto de televendas de produtos da Claro subcontratado de uma terceirizada da telefônica, na Rua Luiz de Camões, no Centro do Rio. No local, foi flagrado trabalho infantil em condições irregulares: além da inexistência de banheiros, de cadeiras adequadas e de fones para o serviço de televendas -, os jovens, entre 16 e 17 anos, não possuíam vínculo empregatício com o contratante, recebendo R$ 400 condicionados às vendas, além de trabalharem além das seis horas previstas em contratos de estágio.

Durante a manhã, O GLOBO acompanhou a inspeção dos promotores no local. Seis jovens – cinco deles menores de idade – trabalhavam em uma pequena sala de 15m² utilizada para a venda do produto Claro Fixo. O responsável pela televenda era Marcelo Bernardo Cubas, de 25 anos, que não foi encontrado. De acordo com os promotores, Marcelo presta serviço à empresa Pos-Point, que é terceirizada pela Claro.

A empresa já foi notificada para efetuar os pagamentos devidos aos jovens ainda nesta terça-feira. O proprietário da Pos-Point confirmou que Marcelo trabalhava como prestador de serviço da empresa, mas não sabia da forma como esse serviço era praticado.

Leia mais sobre esse assunto em  http://oglobo.globo.com/economia/ponto-de-televendas-terceirizado-da-claro-fechado-apos-flagrante-de-trabalho-irregular-de-menores-1-11644095#ixzz2tmUhuizn
© 1996 – 2014. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias gerais

MPT/SP divulga nota à imprensa sobre os bolivianos que estavam à venda

O Ministério Público do Trabalho em São Paulo (MPT-SP) esclarece que a diligência realizada ontem (17) em Cabreúva, feita em parceria com o Ministério do Trabalho e Emprego, Polícia Federal e Defendoria Pública identificou o dono da oficina de costura em que trabalhavam os bolivianos que estariam à venda na semana passada, e já deu início aos procedimentos para que a tomadora dos serviços, Atmosfera Gestão e Higienizações Texteis S/A, responsável solidária na questão trabalhista, realize o pagamento das verbas rescisórias dos três trabalhadores.
Eles receberão o equivalente a 14 dias de trabalho, tomando como base o salário de US$ 500, mais horas extras pela jornada de 15 horas de trabalho diário, férias proporcionais, FGTS e demais verbas trabalhistas. Além disso, eles receberão indenização de R$ 5 mil por dano moral individual.
O processo será encaminhado à Polícia Federal e ao Ministério Público Federal para apuração da responsabilidade criminal do dono da oficina, Serapio Arriaga Maigua, pela acusação de tráfico de pessoas. Informações: MPT em São Paulo

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias gerais

Por jornada excessiva, BRF é condenada em R$ 500 mil (dano moral coletivo)

A BRF foi condenada pela Justiça ao pagamento de R$ 500 mil por dano moral coletivo, informou hoje o Ministério Público do Trabalho no Paraná (MPT-PR). A empresa ainda pode recorrer da decisão da 14ª Vara do Trabalho de Curitiba, que é de primeira instância. O MPT parananense foi o responsável pela ação civil pública contra a BRF.

Ajuizada em junho do ano passado, a denúncia do MPT alegava que os funcionários da BRF cumpriam jornadas excessivas. Em nota, o MPT informou que a BRF foi processada após se recusar a firmar um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com o órgão.

De acordo com o MPT, a BRF exigia que seus funcionários “excedessem a jornada de trabalho além das duas horas extras diárias permitidas por lei” e descumpria a concessão de descanso semanal remunerado de 24 horas.

Leia mais sobre esse assunto em  http://oglobo.globo.com/economia/em-1-instancia-justica-condena-brf-pagar-500-mil-por-dano-moral-11641121#ixzz2tmU4WHaa
© 1996 – 2014. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias jurisprudenciais

Contra críticas e deserções, Brasil quer convencer Cuba a pagar mais a médicos

Na avaliação do Planalto, um salário maior para os profissionais poderia ajudar a amenizar o descontentamento do Ministério Público do Trabalho (MPT)

O Estado de S. Paulo destaca que o governo quer convencer Cuba a ampliar de US$ 400 para US$ 1 mil o repasse pago a profissionais do Mais Médicos no Brasil. A medida é considerada pelo Planalto como essencial para tentar reverter críticas que o programa, vitrine de campanha de reeleição da presidente Dilma Rousseff, passou a receber nas últimas duas semanas. Os ataques ressurgiram depois de a cubana Ramona Rodríguez sair do programa, dizendo-se enganada pelo governo Raúl Castro por receber US$ 400 (cerca de R$ 960). Já médicos brasileiros recebem R$ 10 mil, mesmo valor repassado pelo governo Dilma ao convênio firmado com a Organização Pan-Americana de Saúde (Opas). Na avaliação do Planalto, um salário maior para os profissionais poderia ajudar, ainda, a amenizar o descontentamento do Ministério Público do Trabalho (MPT). Uma investigação sobre as condições dos médicos recrutados em Cuba está em curso. O jornal informa ainda que o procurador do Trabalho Sebastião Caixeta já avisou que deverá apresentar ao Ministério da Saúde, em breve, recomendações sobre a necessidade de se alterar a relação trabalhista. Leia direto da fonte

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias gerais

MPT pede indenização de R$ 1 milhão a marca acusada de trabalho escravo em SP

Imagem divulgada pelo Ministério Público do Trabalho de São Paulo mostra a confecção que abastecia a Fenomenal Internacional

Imagem divulgada pelo Ministério Público do Trabalho de São Paulo mostra a confecção que abastecia a Fenomenal Internacional

O MPT-SP (Ministério Público do Trabalho de São Paulo) ajuizou ação civil pública para que as empresas MP Amorim e Inovax Confecções, detentoras da marca Fenomenal Internacional, paguem uma indenização de R$ 1 milhão por supostamente submeter trabalhadores a condições análogas à de escravo e promover dumping social –situação em que a empresa deixa de cumprir obrigações trabalhistas para aumentar o lucro e prejudicar concorrentes.
De acordo com o MPT-SP, uma diligência realizada em conjunto com o Ministério do Trabalho e Emprego e a Polícia Federal, em agosto de 2013, encontrou 13 trabalhadores bolivianos em uma oficina clandestina, confeccionando peças de vestuário da marca Fenomenal Internacional, sob encomenda da MP Amorim, que, segundo o MPT, definia as diretrizes de desenvolvimento e produção das peças. Continua  na fonte: UOL.
 

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias gerais

Humor Bibliotecário

Link permanente da imagem incorporada

Deixe um comentário

19/02/2014 · 9:00