MPT obtém liminar para reintegrar 331 trabalhadores da OSX, empresa de Eike Batista

Instalação da OSX

A OSX terá de reintegrar os trabalhadores sob pena de multa diária de mil reais por cada empregado não reintegrado

Rio – O Ministério Público do Trabalho do Rio (MPT-RJ) obteve nesta segunda-feira, 17, uma antecipação de tutela favorável à reintegração de 331 trabalhadores dispensados sem justa causa pela OSX Construção Naval S.A. (OSXB3), empresa do Grupo EBX, desde janeiro.

A decisão da Justiça veio uma semana após a Procuradoria do Trabalho de Campos dos Goytacazes (RJ) dar entrada numa ação civil pública contra a companhia do empresário Eike Batista. A ação foi motivada pela demissão em massa na obra para a construção do estaleiro do Superporto do Açu, sem negociação coletiva prévia.

No fim de maio, a procuradoria convocou uma audiência com a OSX e outras empresas contratadas para realizar a obra, mas apenas representantes dos trabalhadores compareceram. O Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Construção Civil e do Mobiliário em Campos – vizinha a São João da Barra, onde fica o Porto do Açu – estima que mais de mil empregados já foram dispensadas. (continua) Fonte: Exame

 

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias jurisprudenciais

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s