Arquivo do dia: 11/08/2012

Amazon aluga livros a estudantes nos Estados Unidos

Por Andrew Edgecliffe-Johnson e Barney Jopson | Financial Times, de Nova York

A Amazon lançou um serviço de aluguel de livros didáticos, permitindo que estudantes americanos tomem emprestadas edições impressas durante um período escolar por até 70% de desconto em relação ao preço de novos títulos, mas o setor de educação está prevendo uma desaceleração no crescimento do volume de livros alugados.

Pesquisas do Book Industry Study Group mostram que o aluguel de livros didáticos em 2011 cresceu de 8% para 11% do mercado, com uma correspondente queda na venda de livros didáticos novos – de 59% para 55%. Existe também um mercado de segunda mão considerável para livros didáticos.

A Student Monitor, outro grupo que realiza pesquisas, estima em 13% a penetração do mercado de aluguel de livros didáticos impressos em 2011. A Cengage, uma das maiores editoras universitárias nos EUA, previu que esse número poderá duplicar, para 26%, até 2015, antes de estabilizar.

Mas a Cengage também previu que o impacto do aluguel nas receitas do ensino superior cairá de 5,2% neste ano para 0,8% em 2015. “Estamos começando a ver o aluguel de livros atingir um pico”, disse Laura Ricci, da Outsell, uma firma de pesquisas na área editorial.

Isso ocorre porque as editoras estão cada vez mais usando a informática para enriquecer os livros didáticos tradicionais – e os estudantes estão descobrindo ser mais fácil vender seus textos usados na internet.

Empresas de aluguel de livros didáticos como a Chegg e a BookRenter estão diversificando sua atuação e não serão necessariamente ameaçadas pela Amazon, diz Laura Ricci.

Mehdi Maghsoodnia, CEO da Book-Renter.com, congratulou-se com a iniciativa da Amazon, dizendo que ela ampliará a percepção da existência de serviços de aluguel de livros didáticos. A BookRenter.com e Chegg oferecem descontos semelhantes aos da Amazon.

Segundo a Associação Nacional de Lojas em Universidades, os alunos americanos gastam em média US$ 655 por ano com materiais didáticos necessários. Multiplicado pelos aproximadamente 20 milhões de alunos em faculdades, isso sugere um mercado de US$ 13 bilhões, declarou a BookRenter.

Para atuar em aluguel de livros, a McGraw-Hill e a Chegg fecharam uma parceria em 2009, e a Houghton Mifflin Harcourt anunciou ontem um acordo com a Kno, uma empresa de software.

Leia mais em:

http://www.valor.com.br/empresas/2780094/amazon-aluga-livros-estudantes-nos-estados-unidos#ixzz22xi6Nl9L

Deixe um comentário

Arquivado em Artigos e entrevistas